gafieiras

gafieiras

Entrevistas de música brasileira

Noite Ilustrada

NoiteIlustrada-940

Noite Ilustrada

parte 12/14

Se você quiser 6 CDs só com inéditas, eu tenho

Tacioli – Gostaria de falar sobre o Noite Ilustrada compositor.
Noite Ilustrada – Quem faz as composições é o Marques Filho. O Noite é só o intérprete.
Tacioli – O que você pode dizer então do Marques Filho?
Noite Ilustrada Agora vou falar como o Marques Filho, esqueça o Noite Ilustrada. Tenho uma série de músicas inéditas guardada. O que faço ponho logo na fita. Minha mulher sabe onde é que está, porque se de repente o Pedro mandar eu subir… [risos] As músicas estão aí no arquivo e lá dentro de uma caixa do correio. Tenho muita facilidade em fazer música, modéstia à parte. No momento não estou fazendo, mas teve uma época em que eu fazia duas, três músicas por dia, e já ia botando no gravador. Agora não estou fazendo nada! A memória está devagar. Às vezes aparece um tema bom, e você quer desenvolvê-lo, e vem outra coisa à cabeça.
Tacioli – Muito samba?
Noite Ilustrada – Muito samba, marcha-rancho. Gosto muito de marcha-rancho, sou da época daqueles blocos. Ah! meu Deus do céu! E tem também samba-maracatu, porque vivi lá [n.e. Refere-se ao período que viveu no Nordeste]. A minha primeira composição foi gravada em 56 quando vim a São Paulo. Foi gravada por Dolores Barrio, que era cantora da Rádio Record, e a música chamava-se “Vai saudade”. Depois gravei com a Neide Fraga (n. e. 1924-1987, cantora paulista de curta carreira discográfica), também da Record. Depois com a Carmen Silva, Edith Veiga. Veja você, a maioria das vezes gravei com mulher! Elas gostam de saber o que tenho. Tenho muita vergonha de mostrar músicas para colegas, porque às vezes pensam que a gente quer aproveitar da amizade para mostrar as músicas. Então, não mostro. Quando me pedem, eu mostro. Outro dia o Jair [Rodrigues] me pediu uma. Gravei com o Jair também. Gravei quilos de músicas minhas. Se você quiser cinco ou seis CDs agora, só com músicas inéditas, eu tenho. E sem fazer besteiras. Se você quiser 5 ou 6 CDs do Resgatando, eu tenho. Sempre me preparei para isso.
Tacioli – E desse pessoal que te manda material, tem compositor bom?
Noite Ilustrada – Tem o Flavinho da Portela que eu gravei uma música muito boa quando estava lá no Norte; tem o Adailton Alves, filho do Ataulfo Alves, que tem um repertório muito bom; tem o Ataulfo Junior, que também é filho do Ataulfo. Tenho inéditas do Adauto Santos e do Geraldo Filme. Tem o Zé Domingos, da boate Confraria, o Talismã, e uma série de compositores.

Tags
Noite Ilustrada
de 14