gafieiras

gafieiras

Entrevistas de música brasileira

Hélio Ziskind

HelioZiskind_940

Hélio Ziskind

parte 13/25

Meu pai gosta de Altemar Dutra, cantores de voz forte

Tacioli – Hélio, o que você ouvia, que sons que havia em sua casa quando você era pequeno?
Hélio – Eu ouvia bastante Robertos Carlos. Na parte de samba, Elis Regina com o Fino da Bossa, Jair Rodrigues, Miltinho. Internacionalmente, ouvia bastante Johnny Mathis, Trini Lopez, Johnny Rivers, gostava de umas coisas assim. E bossa nova veio direto. Beatles… mas demorei um pouquinho a entrar. O Sargent Peppers demorou um pouquinho. Hoje inverteu, Beatles é a referência mais profunda.
Tacioli – É presente em todo o trabalho?
Hélio – É.
Dafne – E de criança o que você ouvia, Hélio?
Hélio – Ouvia também essa coleção Disquinho. Nunca tive muita ligação com músicas especificamente infantis, mas tive com música judaica, entra um pouco também por aí. Mas assim, realmente de música pra criança, eu nem sei se havia essa ênfase tão grande como existe agora.
Dafne – Havia mais disco de historinha?
Hélio – De história do que de música e as músicas estavam dentro da história.
Tacioli – Mas em casa, como eram os sons, o que você se lembra?
Hélio – Eu lembro que ninguém pedia pra eu desligar a vitrola, que ficava ligada o dia inteiro. O meu pai gostava, minha mãe gostava. Mas meu pai gosta muito de Altemar Dutra, cantores de voz forte. Quando fui vendo que o meu negócio era mais bossa nova, ele até gosta, mas lá pelas tantas tem que entrar o Altemar Dutra, senão não valeu.

Tacioli – E qual era a formação familiar? Seu pai, sua mãe e você?
Hélio – E eu, somente.
Tacioli – Você é filho único?
Hélio – Sou.
Tacioli – E, você falou que morava na Teodoro. Como era que isso?
Hélio – Meus pais têm loja na Teodoro até hoje, uma loja de presentes, relógios. Sempre moramos nas proximidades da loja. Foi uma boa vida, uma vida tranqüila. Eu gostei.
Tacioli – Os amigos eram dali?
Hélio – Eram.
Tacioli – E que tipo de brincadeira vocês rolava?
Hélio – Bom, na minha época dava pra se ter bicicleta. Saía de bicicleta da Teodoro, que já era uma rua movimentada mas, eu lembro que ir de bicicleta até a USP, da Simão Álvares até a USP, era como ir pra Jundiaí, talvez. [risos] Mas eu já tinha grupo de música, já fazia isso também.
Tacioli – O grupo de música surgiu na infância?
Hélio – Na infância. Com 7 anos eu já lembro bem de tocar, de ter aula de violão. Ganhei uma medalha de ouro quando cantei “Esqueça”. A professora me deu uma medalha de ouro.
Tacioli – Do Roberto Carlos.
Hélio – É, eu tocava violão.

Tags
Hélio Ziskind
Música infantil
Música para crianças
de 25