gafieiras

gafieiras

Entrevistas de música brasileira

André Abujamra

André Abujamra por Dafne Sampaio

André Abujamra

parte 11/26

Meu pai respira arte 100% da vida

Max Eluard – Como é a relação com seu pai, esse seu otimismo em contraposição com o pessimismo dele?
Abujamra – Nossa, eu tenho conflito desde que nasci. Pô, ser filho do Abujamra é foda, meu! É o peso da camisa. Ser filho dele não é fácil, não. Sabe aquela coisa do negro, de que para se dar bem na vida tem que dar mais bem na vida ainda pra poder ter um carro? Ele não tem que passar, tem que ser o primeiro. Eu tenho que ser o primeiro como artista, não tem jeito. Modéstia a parte, meu pai é um puta artista, um fodão. Então, eu tenho que ser mais fodão.
Rosselli – Mas você não vive na sombra dele…
Abujamra – Não vivi porque eu sou músico, porque se fosse ator… Até hoje, quando faço qualquer coisa, nego fala “Mas é filho do Abu, né?!”!”. Rola isso, é claro que rola.
Tacioli – E isso enche o saco?
Abujamra – É claro que enche, pra caralho. Mas eu consigo me dar bem com isso.
Tacioli – Qual é a resposta que você dá?
Abujamra – Não dou resposta nenhuma…
Tacioli – Mas já deu.
Abujamra – Ah, já dei, já dei. Mas a relação com o meu pai é muito bonita. Ele respira arte 100% da vida. Então, às vezes, quando ele está comigo, ele não consegue ser pai. Ele está me dirigindo. [risos] E falo, “Pai, dirija seu atorzinhos de merda! Eu, não, sou filho!” [risos]
Max Eluard – E como era essa relação quando você era moleque?
Abujamra – Era muito louco. Tem uma coisa muito linda que a minha família apresentou para mim e para meu irmão… Meu pai falou, “Você vai fazer terapia por excesso de amor, não por falta!” A relação com a minha família é marcada pelo excesso de amor. É aquela coisa que sufoca, é o amor sufocante, que também não é bom, mas é melhor que a falta. Tanto eu e meu irmão, quanto meu pai e minha mãe, se você cair agora e precisar ir para o Japão, nós o levaremos. A gente tem isso. Então, tem o lado maravilhoso, mas há o lado do conflito, também. Você não tem conflito com a sua família? Todo mundo. Ter conflito com o Abuzão é foda! [risos] Ele é o dono da verdade…
Almeida – Uma discussão com ele não deve ser fácil.

Tags
André Abujamra
Os Mulheres Negras
de 26